Está Chegando o Verão

Durante o inverno, nem sempre dedicamos a atenção que a piscina merece. Enquanto isso, a água perde sua pureza e retém resíduos. Conseqüentemente, sua recuperação, no verão, exigirá custos maiores e manutenção redobrada. A escolha é sua: preservar a piscina sempre bem tratada ou enfrentar os prejuízos no verão.
Ao contrário do que muitos defendem, os baixos custos para construir uma piscina apresentam muitos inconvenientes. Somente um bom projeto aumenta o valor do imóvel em 20%, um índice que comprova o quanto vale o investimento, seja na concepção e construção de uma nova, como na reforma de uma piscina já existente.

 

O consumidor acredita que a melhor opção é aquela com “o menor preço”. E no vale-tudo para realizar o projeto da piscina, opta pela construção de uma “caixa azulejada de água”, acreditando que terá uma piscina saudável e de qualidade com os padrões e a tecnologia de primeiro mundo. Quem segue esse critério de avaliação está cometendo um erro irreparável. A má escolha dos materiais e componentes pode gerar uma frustração durante seu uso. Seguramente, para obter um bom projeto de piscina, essa cultura não funciona. 

piscina de pompeu

 


A escolha dos equipamentos e acessórios é um dos grandes desafios que o mercado oferece atualmente para quem preserva as normas de qualidade. No Brasil existem inúmeras empresas que vem agregando inovações ao segmento, trazendo tecnologias e serviços diferenciados, os quais incentivam uma nova cultura na construção, uso e manutenção de piscinas. É fundamental pesquisar e encontrar em sua região empresa que atenda suas necessidades, respeitando o eterno ” custo x beneficio ‘.

piscina condominio condados

 

Qual a profundidade ideal para uma piscina

Se você está construindo, reformando ou projetando uma piscina, saiba que esse é um dos pontos mais importantes da obra, e que varia de acordo com o tipo de aplicação e uso. Para escolher a profundidade certa, o primeiro passo é considerar três variáveis:

Piscinas Residenciais – a mais indicada no projeto varia entre 0,60 a 1,40 m.

Piscinas Comerciais – varia entre 0,60 a 1,80 m.

Piscinas de Salto – sua profundidade é ajustada de acordo com a altura do trampolim ou da plataforma de salto.

Piscinas para esportes – a prática de esportes, como Biribol (vôlei na água), requer uma profundidade uniforme, de 1,50 m Outras atividades, como o Pólo Aquático, exigem uma profundidade de no mínimo 1,80 m.

 

 

 

Geralmente, somos induzidos a considerar algumas idéias pré-estabelecidas. Por exemplo, se as crianças crescem, a piscina exige reforma. Ou ainda, piscinas com grandes profundidades atendem apenas a saltadores. Para evitar qualquer surpresa ou necessidade de reforma em uma piscina pronta, antes de construir, escolha um projeto que atenda às especificações fundamentais para aumentar a qualidade e ampliar seu uso para todo tipo de usuário.

Profundidade X Usuário – Uma piscina infantil exige o máximo de 0,60 m. Para adultos em piscinas residenciais, a profundidade pode variar, de acordo com a utilização. A metragem mais indicada, nesse caso, varia de 1,40 m a 1,50 m, de água com exceção das piscinas para salto e comerciais.

Para piscinas comerciais – Além da profundidade ideal, a piscina deve ter uma borda com metragem de no mínimo 1,80m e acabamentos adequados. Prefira somente o uso de revestimentos antiderrapantes, laváveis e com inclinação suave para preservar o sistema de drenagem.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *